OFICIAL: Promessa do AC Milan que virou “flop” muda-se para a Grécia

Quando assinou pelo Milan em 2012/13, com apenas 16 anos, Hachim Mastour era visto como uma das grandes promessas do futebol mundial, era apelidado de “Messi Marroquino” e impressionava pela sua imensa capacidade técnica. Os “rossoneri” levaram a melhor sobre outros gigantes do futebol europeu, mas o investimento de cerca de 2 milhões de euros não teve os resultados esperados. Com apenas 15 anos trabalhava com a equipa principal, chegou a ser convocado por Seedorf mas deixou o clube sem somar um único minuto…

Chegou a representar as selecções jovens de Itália(onde nasceu), mas em 2015 decidiu escolher a selecção de Marrocos(origem dos seus pais) tendo se tornado o jogador mais jovem de sempre a jogar pela selecção principal de Marrocos(16 anos e 363 dias). Passaram-se mais de três anos e não voltou a representar a sua selecção…

Em 2015/16 foi emprestado pelo Milan ao Málaga e fez apenas 1 jogo, em 2016/17 foi cedido ao Zwole da Holanda onde disputou 5 jogos e na temporada anterior esteve no Milan não tendo somado qualquer partida.

Entretanto, neste verão terminou a sua ligação ao clube e hoje foi anunciado como reforço do Lamia que subiu esta época ao principal escalão do futebol grego.