Liga Italiana proibiu braçadeiras personalizadas mas nem todos os capitães respeitaram

O mundo do futebol tem sempre evidentes arestas por limar, mas infelizmente alguns responsáveis por altos cargos deste desporto continuam a ser demasiado exigentes em assuntos que não trazem nenhum problema enquanto ignoram problemas graves que afectam jogadores, adeptos, clubes… acima de tudo afectam o futebol.

A Liga Italiana impediu os capitães de equipa de usarem braçadeiras personalizadas, decidindo assim uniformizá-las. Nem sequer uma braçadeira a homenagear Davide Astori é permitida por exemplo…

Esta medida da Liga Italiana no entanto não foi seguida por Daniele De Rossi e Papu Gomez. O carismático médio da Roma usou uma braçadeira com as cores da Roma e com a frase “Tu és a minha única mulher, és tu o meu único amor.”

Por outro lado, Papu Gomez usou uma braçadeira com o símbolo da Atalanta. O talentoso jogador argentino costuma apresentar várias braçadeiras personalizadas pela sua esposa Linda Raff sobre os mais variados assuntos. Dedicadas aos adeptos, ao dia da mãe, a Davide Astori, à Chapecoense, etc.

Papu Gomez demonstrou mesmo o seu descontentamento antes do arranque do campeonato com uma publicação das redes sociais.

Segundo a imprensa italiana, aparentemente os dois jogadores deverão escapar a um castigo que inicialmente foi considerado como provável.