Rúben Neves: «O Porto para mim significa uma paixão de pequenino que nunca mais irá acabar»

Numa entrevista concedida ao nosso site, Rúben Neves falou sobre alguns assuntos da sua carreira. A paixão pelo Porto, a sensação de o representar, a saída para o Wolves, as expectativas para a época de estreia na Premier League, o facto ter vários compatriotas no plantel e claro o Mundial onde tinha a esperança de estar presente.

RD: O que significa para ti o Porto e qual foi a sensação de te estreares pela equipa principal com apenas 17 anos?

Rúben Neves: O Porto para mim significa uma paixão de pequenino que nunca mais irá acabar, fiquei apaixonado pelo ambiente das Antas onde via o jogo nos ombros do meu pai porque estava sempre tudo de pé. É o meu clube e graças a Deus já tive o previlegio de o representar o que foi um sonho.

RD: Como encaraste a tua saída do Porto para o segundo escalão do futebol inglês? Nunca viste isso como um passo atrás?

Rúben Neves: Nunca, sou profissional de futebol e tenho que olhar por aquilo que é o melhor para mim e para a minha carreira, nunca deixarei de ser um adepto fanático do Porto mas naquele momento não podia dizer que não a uma oportunidade como aquela que tinha a certeza me iria fazer crescer imenso como jogador e a verdade é que não me enganei, hoje sou um jogador completamente diferente e agradeço de coração ao Wolves a oportunidade que me deu de voltar a sentir a confiança que todos os jogadores precisam.

RD: Quais são as tuas expectativas a nível individual e coletivo para a época de estreia na Premier League?

Rúben Neves: Expectativas passam por aproveitar cada segundo da melhor liga do mundo, qualquer jogador sonha jogar ali e felizmente vamos ter essa oportunidade na próxima época, crescer como jogadores, ganhar experiência necessária para pisar os maiores palcos do futebol e desfrutar do futebol mais puro da atualidade onde quase não há guerras, onde ainda se respira futebol e não polémica.

RD: Como é viver a experiência de jogar em Inglaterra com tantos jogadores portugueses no plantel?

Rúben Neves: Jogar em Inglaterra é uma experiência incrível, ter tantos portugueses torna tudo muito mais fácil, somos uma mini família o que faz com que as coisas se tornem mais simples principalmente fora do campo onde passamos grandes momentos juntos.

RD: Com a lesão do Danilo estavas convicto que irias ser convocado para o Mundial?

Rúben Neves: Estava com esperança de ser chamado, é legítimo não vou mentir. Não só pela lesão do Danilo, fiz a minha melhor época a nível profissional mas as opções são do selecionador e como já disse anteriormente temos um vasto leque de jogadores de qualidade que representam muitíssimo bem o país, como eu muitos outros ficaram de fora e todos os que lá estão merecem lá estar por isso estou feliz com a convocatória e espero que Portugal chegue de novo ao título.