A história do herói Subasic e do seu “anjo da guarda”

A passagem da Croácia para os quartos-de-final teve uma grande figura. Subasic defendeu três penáltis e tornou-se herói. Nos festejos, tal como é habitual nestas situações, o guarda-redes do Mónaco mostrou uma camisola que leva sempre por debaixo da principal.

Tem a imagem de Hrvoje Custic. Amigo de Subasic que faleceu em 2008 após um choque violento contra um muro num jogo do Zadar onde eram companheiros de equipa. O avançado de 24 anos ainda foi transportado para o hospital mas acabou por não sobreviver. Um acontecimento trágico que levou Subasic a “levar” o seu eterno amigo consigo para todos os jogos. Considera-o o seu “anjo da guarda”.

«Hrvoje estará sempre comigo, não só na camisola, mas também no meu coração.», disse Subasic após o jogo frente à Dinamarca em que se tornou apenas o segundo guarda-redes da história a fazer três defesas num jogo de um Mundial.